Era o que Faltava

Temporada 2

2021-04-05

Joana Dias (com Exclusivo Online)

'Eu passei anos sem me olhar ao espelho'
 

Aos 43 anos, Joana Dias é locutora e repórter de rádio e televisão na RTP e, sim, foi vítima de violência doméstica. “A Mim, Nunca” é o nome do podcast sobre a história de trauma e abuso da Joana Dias. Em 2020, a violência doméstica fez 32 mortes: 27 mulheres, três homens e duas crianças.

Joana foi vítima de violência doméstica e entendeu “a manipulação em que eu estava enredada quando ele saiu de casa e eu comecei a aperceber-me da quantidade de mentiras e da quantidade de invasão que eu tive no ano em que vivemos juntos e para trás”. A apresentadora diz que estas, são pessoas que dizem “eu sei tudo, só não sei aquilo que eu não quiser, e que fazem e concretizam e que põe uma coisa na cabeça e que vão até ao fim para concretizar e para controlar”. 

Para a Joana, “isto funciona muito bem com pessoas fragilizadas, por isso é que a autoestima é tão importante”. É por isso que, “a nossa capacidade de olharmos ao espelho, eu passei anos sem me olhar ao espelho” é tão importante. Importante também é dizermos a nós próprios: “Eu mereço estar bem, eu mereço viver de forma harmoniosa”. Isto não significa que temos de estar felizes o tempo todo, até porque isso não existe, mas “podemos e devemos querer para nós uma vida harmoniosa e equilibrada”.