Ouça a Rádio Comercial em qualquer lado.
Faça o download da App.

Espanha imita Portugal com a solução do Rendimento Mínimo Garantido

Professor e investigador da Universidade da Beira Interior, André Barata, fecha a porta à possibilidade da solução espanhola ser considerado um passo do "Rendimento Básico Incondicional".

Espanha imita Portugal com a solução do Rendimento Mínimo Garantido
Redação

Espanha começa a pagar no mês de maio aquele que é conhecido como o "Rendimento Mínimo Garantido".

A proposta parte do executivo liderado por Pedro Sanchéz e serve de resposta às dificuldades que vários milhões de agregados familiares sentem no país vizinho.

A solução encontrada era vista como uma porta aberta ao já discutido "Rendimento Básico Incondicional", defendido por vários académicos, e que possibilitaria o pagamento de uma prestação mensal a todas as pessoas, independentemente dos seus empregos e salários.

Para o professor e investigador da Universidade da Beira Interior, André Barata, a solução espanhola não é mais do uma solução semelhante às já existentes em Portugal.

 

 


Em Portugal o cenário de um "Rendimento Básico Incondicional" não se coloca por falta de capacidade orçamental.


A resposta terá de ser dada a nível europeu e já existem pedidos para que tal aconteça.

 

 

No após pandemia espera-se um crescimento exponencial do desemprego e também das famílias em dificuldades.