Tudo pronto no NOS Alive!

O NOS Alive arranca já na próxima quinta-feira. Até dia 13 vão ser vividas muitas emoções no Passeio Marítimo de Algés. Esta segunda-feira, a imprensa visitou o recinto e ficou a par das novidades.

Rúben Viegas
08 de julho de 2019 às 14:59Tudo pronto no NOS Alive!

 


Está praticamente tudo pronto no recinto que vai acolher o NOS Alive nos próximos dias 11, 12 e 13 de julho

Durante três dias, a música (e não só) vai voltar a dar vida ao Passeio Marítimo de Algés

The Cure, Smashing Pumpkins, Vampire Weekend, Bon Iver, Ornatos Violeta, Mogwai, Weezer, Tom Walker, Jorja Smith, Primal Scream, Greta Van Fleet, Hot Chip, Cut Copy, Thom Yorke, Sharon Van Etten, Idles, Grace Jones, Gavin James, Gossip, The Chemical Brothers ou The Gift são só alguns dos nomes do grande cartaz que vai dividir-se por sete palcos: NOS, Sagres, Comédia, NOS Clubbing, EDP Fado Café, Coreto e o pórtico NOS Alive que estará à entrada para receber o público, como já é costume.

Esta segunda-feira, a Everything Is New abriu as portas do recinto à imprensa para partilhar novidades e fazer uma antevisão do que vai acontecer a partir de quinta-feira em Algés. Uma experiência imersiva 5G com vista para o futuro, a "reencarnação" de António Variações ou a união das artes plásticas à da comédia são alguns dos pontos de interesse deste ano. Mas há mais. Muitos mais.  

Álvaro Covões, organizador do festival de Algés, sublinha a forte representação feminina no cartaz com nomes como Jorja Smith, Tash Sultana, Robyn, Grace Jones ou  Beth Ditto (dos Gossip)
 

 


 


O EDP Café vai ser o palco da estreia da banda Variações que junta Sérgio Praia (o ator que interpreta António Variações no filme "Variações") aos músicos Duarte Cabaça, David Santos, Vasco Duarte e Armando Teixeira - o diretor musical e responsável pela banda sonora da película com estreia marcada para o dia 22 de agosto.

Os concertos vão ser nos três dias do festival. A criação desta banda de tributo a um dos artistas mais importantes da história da música portuguesa assinala também a estreia de Sérgio Praia como cantor e o regresso aos palcos do músico, compositor e produtor Armando Teixeira (Bala) que, através das famosas cassetes de António Variações, deu corpo a músicas gravadas na garagem de Variações com músicos amadores, no final da década de setenta.

'Toma o Comprimido', 'Teia', 'Perdi a Memória', 'Canção do Engate' ou 'Quero Dar nas Vistas' (tema inédito recuperado do espólio de António Variações) são algumas das canções que farão parte do alinhamento dos concertos. Para Álvaro Covões, além de uma bonita homenagem a António Variações, é um tributo ao cinema portuguêsUma excelente oportunidade para reviver a arte de um artista como Variações

 

 


À semelhança do ano passado, o Palco Comédia vai acolher duas artes: a própria comédia e as artes plásticas. Desta vez, o artista escolhido é Odeith - um dos artistas portugueses com mais obras espalhadas pelo mundo. Para Jel, o programador do palco mais divertido do festival, é uma honra juntar as duas artes e ter a colaboração de um artista como Odeith. A obra que vai servir de cenografia ao palco conta uma narrativa feliz que junta as duas formas de arte. É um trabalho artístico inspirado na cultura egípcia que, além de ser berço para a civilização, é a cultura que guarda os primeiros registos escritos da comédia. 

 


Tal como o cartaz do NOS Alive, o cartaz do Palco Comédia também é eclético e este ano tem grandes motivos de celebração. Fernando Rocha vai subir ao palco para celebrar 20 anos de carreira e o comediante Andrew Lawrence virá de propósito do Reino Unido para dar o ar de sua graça. Também vão passar por lá nomes como o do próprio Jel, Ana Garcia Martins, Nilton ou Ena Pá 2000. Jel sublinha a diversidade de oferta do NOS Alive que vai muito além da música e dá um exemplo. No dia 11, o espaço dedicado à comédia vai ter também live painting com uma série de artistas (convidados por Odeith) a pintar uma das paredes. O NOS Alive tem apostado na divesidade das artes num espaço que celebra a música no palco principal. A opção do festival pela diversidade já soma alguns anos. Para Jel, é um exemplo a seguir. 

 

 


Uma das grandes novidades deste ano será instalada pela NOS. Vai haver uma rede 5G no Passeio Marítimo de Algés e a possibilidade do público viver uma experiência imersiva no Palco NOS Clubbing. Será o primeiro palco 5G num festival do país e talvez do mundo. A tecnologia estará ao serviço do entretenimento e a velocidade de resposta de rede estará ao serviço do público. De acordo com Rita Torres Batista, da NOS, será instalada uma câmara que irá transmitir os concertos a 360º que depois poderão ser vistos na bancada NOS. O mais interessante da experiência é que os utilizadores poderão assumir o papel de realizadores e apreciar em detalhe o que preferirem de cada concerto. Para já, a experiência irá acontecer apenas num dos palcos, mas a ideia é voltar a ser utilizada no futuro, quem sabe nos restantes.
  

 

 

A 13ª edição do NOS Alive está quase a começar! No recinto só falta o público e os artistas que vão animar a edição deste ano. 
 


Pode conferir os horários do festival aqui.

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

Back to Top