Alanis Morissette admite sofrer de depressão pós parto

A cantora está medica e diz que se vai refugiando na música.

Alanis Morissette admite ter sofrido de depressão pós-parto. A revelação foi feita em entrevista à revista People onde falou da sua condição psicológica, subsequente da depressão pós-parto que se agravou quando foi mãe pela segunda vez.

"Costumava ser como uma rocha que dava proteção e segurança aos outros. Sei que sou uma pessoa capaz de tomar decisões e que era uma líder em quem podiam confiar. Mas agora apenas consigo decidir o que fazer para o jantar", contou Alanis. A cantora canadiana, de 43 anos, sofre de depressão desde que foi mãe, principalmente depois da segunda gravidez. Surpreendentemente, a maternidade era um sonho de Alanis, mas a cantora desenvolveu vários problemas psicológicos com essa experiência que procura ultrapassar com ajuda médica, mas também a escrever e compôr canções.

Alanis decidiu falar publicamente sobre a sua situação porque considera que ainda é um problema que afeta muitas mulheres: "Há dias em que me sinto tão fraca que mal me consigo mexer", concluiu.

Alanis é mãe de Ever, de seis anos, e Onyx, de um, ambos fruto do casamento com o rapper Souleye.