Ouça a Rádio Comercial, faça o download da App.

Neymar volta a treinar em pleno a um dia do jogo com Coreia do Sul

O avançado brasileiro deve ser titular no jogo dos oitavos de final, marcado para esta segunda-feira.

Neymar volta a treinar em pleno a um dia do jogo com Coreia do SulEPA/MARTIN DIVISEK
Agência Lusa

O futebolista Neymar voltou hoje a treinar em pleno, com os companheiros da seleção brasileira, a um dia do jogo dos oitavos de final contra a Coreia do Sul, treinada pelo português Paulo Bento.

Um dia depois de voltar a fazer algum trabalho com bola no relvado, após uma semana a fazer trabalho de recuperação e fisioterapia após uma lesão no tornozelo direito sofrida no arranque da fase de grupos, o 'capitão' da 'canarinha' voltou a treinar hoje no Estádio Grand Hamad.

Pouco antes, o selecionador brasileiro, Tite, explicou que Neymar treinaria e, se o apronto corresse bem, seria titular contra os sul-coreanos.

"Prefiro usar o meu melhor jogador de início. É o treinador que tem de tomar essa decisão e assumir a responsabilidade", declarou o técnico.

O regresso de 'Ney', avançado do Paris Saint-Germain de 30 anos, é um 'alívio' para Tite face às ausências já confirmadas até final do torneio do defesa esquerdo ex-FC Porto Alex Telles e do avançado Gabriel Jesus.

Enquanto Alex Sandro ainda recupera de lesão, Danilo, outro antigo jogador dos 'dragões', já trabalhou hoje com o grupo, tendo em vista a titularidade na esquerda, o lado inverso em que costuma jogar.

Neymar, com 122 internacionalizações 'AA', procura o primeiro grande título à frente da seleção brasileira, depois do título olímpico no Rio2016 e uma Taça das Confederações.

Apesar do desaire com os Camarões (1-0) no fecho da 'poule', o Brasil, que entrou na terceira ronda da fase de grupos já apurado, assegurou o primeiro lugar do Grupo G e vai defrontar nos oitavos de final a Coreia do Sul, que na sexta-feira bateu Portugal por 2-1.

O embate entre os 'canarinhos' e os asiáticos está marcado para segunda-feira, pelas 19:00 (em Lisboa), em Doha.