Ouça a Rádio Comercial, faça o download da App.

Operação de fiscalização rodoviária da PSP deteve mais de 100 pessoas

Campanha decorreu entre 16 e 22 de setembro.

Operação de fiscalização rodoviária da PSP deteve mais de 100 pessoasJosé Coelho | LUSA
Redação / Agência Lusa

A Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve 118 pessoas, a maioria por condução por excesso de álcool, durante uma operação de fiscalização rodoviária realizada durante sete dias em todo país com o objetivo de reduzir a sinistralidade rodoviária.

Em comunicado, a PSP indica que durante a campanha, realizada entre 16 e 22 de setembro, efetuou 320 operações e abordou 17.696 viaturas, que resultaram na detenção de 118 pessoas, nomeadamente 60 por condução sob a influência do álcool e 30 por falta de habilitação legal para conduzir.

Segundo a PSP, foram detetadas 608 viaturas em excesso de velocidade e registadas 4.336 infrações ao Código da Estrada, 873 das quais relativas ao tempo de condução e repouso, 63 por falta de seguro, 117 por uso do telemóvel durante a condução e 91 por não utilização do cinto de segurança.

A PSP salienta que a iniciativa visou prevenir e reduzir a sinistralidade rodoviária e promover um reforço de segurança aos utentes da via, tendo dado especial atenção às principais causas dos acidentes rodoviários, nomeadamente excesso de velocidade, condução sob efeito do álcool, uso do telemóvel, realização de manobras perigosas, não utilização dos cintos de segurança e tempos de condução e repouso (tacógrafos).

Na nota, a PSP aconselha os condutores e todos os utentes das vias, incluindo peões, para que respeitem as ordens dos agentes reguladores de trânsito e a sinalização luminosa.

A PSP apelou ainda os condutores para que cumpram as regras do Código da Estrada e evitem comportamentos de risco ao volante.