Ouça a Rádio Comercial, faça o download da App.

Penacova: obras no Nó entre IP3 e IC6 obrigam a condicionamentos de trânsito

Os trabalhos decorrem entre hoje e a próxima sexta-feira, dia 2 de setembro, das 9h00 às 17h00.

Penacova: obras no Nó entre IP3 e IC6 obrigam a condicionamentos de trânsitoLUSA
Redação / Agência Lusa

A Infraestruturas de Portugal anunciou hoje que está a realizar trabalhos de beneficiação do pavimento no Nó de ligação entre o IP3 e o IC6, em Penacova, que implicará condicionamentos de trânsito nos próximos dias.

"De modo a garantir a boa execução da obra e a segurança dos trabalhadores e automobilistas, torna-se necessário implementar constrangimentos à circulação rodoviária no local", justificou a Infraestruturas de Portugal, em comunicado, acrescentando que estes acontecerão entre as 09h00 e as 17h00.

Segundo a Infraestruturas de Portugal, hoje, está cortado o ramo de acesso do Itinerário Principal (IP) 3 para o Itinerário Complementar (IC) 6, no sentido Coimbra - Viseu, sendo o desvio feito pelo IP3 em direção ao Nó de Oliveira do Mondego e depois pelo IC6 via nó da Raiva.

Amanhã, quarta-feira, a IP procederá ao "corte do ramo de acesso do IC6 para o IP3 no sentido de Viseu, com o desvio a ser realizado pelo IP3 em direção ao nó de Miro e posterior encaminhamento para o IP3 em direção a Viseu".

No dia seguinte, haverá o "corte do ramo de acesso do IP3 para o IC6 no sentido de Viseu-Coimbra, com o desvio a ser realizado pelo IP3 em direção ao nó de Miro e posterior encaminhamento para o IC6 em direção ao nó da Raiva", acrescentou.

O último dia de condicionamentos previsto é sexta-feira, dia 2 de setembro, em que acontecerá o "corte do ramo de acesso do IC6 para o IP3 no sentido de Coimbra, com o desvio a ser realizado pelo IP3 em direção ao nó de Oliveira do Mondego e posterior encaminhamento para o IP3 em direção a Coimbra".

A Infraestruturas de Portugal agradeceu "a melhor compreensão para os eventuais transtornos que os condicionamentos possam provocar", frisando que estes são "os necessários para garantir a boa execução da intervenção de melhoria das condições de circulação da infraestrutura rodoviária, beneficiando a segurança e mobilidade das populações".