Arranca hoje a operação "Moto GP"

#NaoSouDeFerro é a mensagem da GNR para sensibilizar, informar e alertar todos os condutores, em especial os de veículos de duas rodas.

Arranca hoje a operação "Moto GP"Facebook GNR
Redação / Agência Lusa

A Guarda Nacional Republicana (GNR), entre os dias 19 e 25 de abril, realiza uma operação de segurança e de patrulhamento rodoviário intensivo, a fim de garantir a segurança do evento Moto GP e de prevenir a sinistralidade rodoviária envolvendo veículos de duas rodas a motor, com especial incidência nos distritos de Faro, Lisboa, Setúbal, Évora e Beja.

Na sequência do evento Moto GP Portugal, que se realiza no Autódromo Internacional do Algarve (AIA), em Portimão, de 22 a 24 de abril, prevê-se um aumento significativo do movimento de motociclos nas principais vias de acesso ao Algarve.

Adicionalmente, é esperado um aumento do trânsito, em geral rumo ao sul do País, atendendo a que o fim de semana é prolongado de 22 a 25 de abril.

A GNR informa em comunicado que esta operação vai promover uma sinergia de esforços das valências de trânsito e territorial com o objetivo de prevenir a sinistralidade rodoviária grave envolvendo veículos de duas rodas, promovendo para o efeito diversas ações de sensibilização e uma intensificação do patrulhamento rodoviário.

Em termos de sensibilização, a GNR reforça as mensagens de prevenção da campanha #NãoSouDeFerro para informar e alertar todos os condutores, em especial os de veículos de duas rodas a motor, para as regras de segurança que devem acautelar durante a condução.

Vão ser ainda desenvolvidas iniciativas de sensibilização em algumas áreas de serviço de norte a sul do país e nas imediações do Autódromo Internacional do Algarve.

Da análise da sinistralidade rodoviária, nos anos de 2020 e 2021, resultou que 1157 pessoas ficaram gravemente afetadas ou perderam a vida em acidentes de viação com veículos de 2 rodas.