Mulher engana burlão e ajuda polícia a detê-lo

Jane, de 73 anos, deu a entender que cairia num esquema de burla, mas acabou por dar a esta história um final feliz.

Mulher engana burlão e ajuda polícia a detê-loWCBS
Ruben Mateus

As notícias sobre burlas não têm normalmente um final feliz e são muitos os casos em que são as pessoas de mais idade a ficarem, por exemplo, sem as poupanças de uma vida.

Este poderia ser o caso de Jane, de 73 anos, e que vive em Long Island, nos Estados Unidos.

Conta o "Washington Post" que Jane recebeu uma chamada de alguém que dizia ser seu neto e que precisava de cerca de 8000 euros para ser libertado sob fiança depois de ter sido detido por conduzir embriagado.

Esta mulher apercebeu-se que se tratava de um esquema pois não tem um neto com idade legal para conduzir, mas decidiu continua com o telefonema e confirmar que pagaria esse valor.

Logo de seguida informou as autoridades e com a polícia montou um plano para prender em flagrante o burlão.

Jane recebeu o homem que viria receber a suposta fiança em casa, entregou-lhe um envelope cheio de papel higiénico e em seguida as autoridades detiveram a pessoa que a queria burlar.

Para memória futura fica a recordação de que Jane não cai em esquemas tão facilmente.