BPP: Ex-administrador Paulo Guichard detido na quinta-feira para cumprimento da pena

Paulo Guichard está detido no estabelecimento prisional de Custóias.

BPP: Ex-administrador Paulo Guichard detido na quinta-feira para cumprimento da penaDR
Agência Lusa

O ex-administrador do Banco Privado Português (BPP) Paulo Guichard foi detido na quinta-feira no aeroporto do Porto, vindo do Brasil, para cumprimento da pena de prisão de quatro anos e oito meses, revelou hoje à Lusa fonte policial.

Segundo adiantou a mesma fonte, Paulo Guichard está detido no estabelecimento prisional de Custóias, tendo para cumprir aquela pena de prisão.

A fonte policial acrescentou que, estando detido para cumprimento de uma pena de quatro anos e oito meses, fica sem efeito a deslocação, hoje, do ex-administrador do BPP ao juízo central criminal de Lisboa para reavaliação das medidas de coação.

Em comunicado, a Polícia Judiciária (PJ) indica que através da Unidade de Informação Criminal executou um mandado de detenção para cumprimento de pena.

A PJ precisa que o detido, com 61 anos, de nacionalidade portuguesa, foi condenado a uma pena única de quatro anos e oito meses de prisão efetiva pela prática de seis crimes de falsidade informática e um crime de falsificação de boletins, atas ou documentos.

Paulo Guichard vivia há vários anos no Rio de janeiro, Brasil.