Danilo assume ambição igual à de 2016

O médio português recusa o estatuto de principal favorito à conquista da prova... mas garante ambição em todos os jogos.

HUGO DELGADO/LUSA
Redação / Agência Lusa
11 junho 2021, 11:23

O médio Danilo Pereira assegurou hoje que a seleção portuguesa de futebol tem a mesma ambição de 2016, mas recusou que seja a principal favorita a vencer o Euro2020, apesar dos "muitos talentos" que tem à disposição.

"Este é um grupo diferente, muitos jogadores jovens, que estão a ter esta experiência pela primeira vez. A ambição é a mesma do Euro2016, os jogadores têm fome de ganhar. Somos campeões da Europa e é um orgulho estar a defender o título, mas há muitos candidatos à vitória. Somos uma dessas seleções com ambição de ganhar, mas não somos o candidato principal", afirmou, em conferência de imprensa.

O jogador do Paris Saint-Germain, que falava no estádio Illovszky Rudolf, antes do primeiro treino da equipa das quinas em Budapeste, considerou que a seleção de 2016 e a atual têm "jogadores com características diferentes", mas com o mesmo objetivo: vencer o torneio.

"Em 2016, o grupo era muito coeso, vinha a jogar junto há muito tempo. Esta é uma seleção jovem, com muitos talentos recentes, mas não posso dizer que esta é mais talentosa do que a outra, porque a outra ganhou um título que Portugal nunca tinha ganho. É um grupo muito unido e todos pensam no mesmo, que é conseguir o mesmo feito de há cinco anos", vincou.