Mick Jagger chama Dave Grohl para 'Eazy Sleazy', uma canção sobre... a pandemia

Das teorias da conspiração às vacinas, 'Eazy Sleazy' reflete, com recurso ao humor, os tempos pandémicos. É a dupla certa no momento certo.

Mick Jagger: Joel C Ryan/Invision/Associated Press
Redação
13 abril 2021, 18:51


O veterano Mick Jagger recrutou Dave Grohl, o homem dos Foo Fighters, para uma nova canção sobre os tempos pandémicos, tempos esses que teimam em não nos largar. 'Eazy Sleazy' foi lançado esta terça-feira, sem aviso prévio, e promete fazer história. O tema foi feito a meias pelos dois músicos. Jagger toca guitarra, Grohl toca bateria, guitarra e baixo.

"É difícil pôr em palavras o que significa para mim ter feito esta canção com o Sir Mick", disse Dave Grohl à Rolling Stone sobre o tema. "É mais do que um sonho tornado realidade. Quando pensava que a vida não podia ficar mais louca", continuou. "E é a canção para este verão, sem dúvida alguma", completou o músico norte-americano.

"Quero partilhar esta canção que escrevi sobre a saída do confinamento, com algum otimismo. Agradeço ao Dave Grohl (Foo Fighters) por ter saltado para a bateria, baixo e guitarra. Foi muito divertido trabalhar com ele - espero que todos gostem", escreveu o frontman dos Rolling Stones nas redes sociais.
 


'Eazy Sleazy' reflete sobre uma série de coisas que temos experienciado nos últimos tempos, sobretudo online, e ainda versa sobre as vacinas ou as teorias de conspiração sobre o coronavírus. O refrão é otimista e chega na altura certa para dar algum ânimo ao mundo.