Ai Destino, Ai Destino: Turquia com Luísa Barbosa

Todas as semanas, a Rádio Comercial dá-lhe o roteiro perfeito para a sua viagem.

Descarregue o podcast e apanhe boleia com a Comercial. 

Sempre à segunda-feira, um novo episódio com histórias de viagens vividas pela equipa da Rádio Comercial e também por personalidades da música e cultura. 

Com ANA MARTINS, locutora - e guia turística noutra vida.

Sonoplastia de MÁRIO RUI, o mago do som! 

Ai Destino, Ai Destino: Turquia com Luísa Barbosa

0:00
0:00

TURQUIA COM LUÍSA BARBOSA 

Uma semana no mar e outra semana em terra. A viagem mais excêntrica de Luísa Barbosa em estilo road trip, de Ancara até Istambul.

 

Descreve a Turquia como se fosse um postal...

Eu pensaria numa aguarela, mas uma aguarela muito variada. Passei pela Capadócia, com aqueles amarelos e laranja torrados, mas também passei por Pamukale, que é um planalto, e lá em cima é completamente branco porque há umas nascentes de água que deixam sedimentos calcáricos e é como se estivesse sempre cheio de neve. Istambul está cheio de cores, as especiarias... por isso teria de ser uma aguarela muito colorida.

 

Experiências a não perder...

Toda a gente fala da Capadócia, mas eu recomendaria Pamukkale. É menos conhecido, mas é interessantíssimo. Foi criado pelos romanos e é muito giro andares a caminhar na água quente. Depois, é em Istambul que tudo acontece. Têm de ir ao mercado de especiarias, com caixotes cheios de especiarias. O Grande Bazar é dos maiores mercados cobertos do mundo e lá encontras chicha, candeeiros, tapetes... A Mesquita Águia Sofia e a Mesquita Azul... A cisterna da Basílica, onde já foram gravados filmes do James Bond... Um banho turco... Os dervixes sufis... A experiência em mar foi muito interessante porque tínhamos uns amigos com carta de marinheiro e, como éramos uns vinte amigos, alugámos dois veleiros, o que acabou por não ficar nada caro. O mar é lindo e a costa é linda.

 

O que comer...

Isto foi antes dos Zomatos, por isso mais do que procurar um sítio específico nós quisemos experimentar coisas diferentes: a Baklava, o chá, a chicha (recomendo o tabaco de maçã), as dolmas (arroz e frutos secos enrolados em folhas de videira) e depois, claro, as koftas, aquelas almôndegas turcas.

 

Imagens de marca da Turquia...

As mesquitas. É um sítio particularmente interessante porque arquitectonicamente é completamente diferente do que estamos habituados, por ser uma mistura da Europa e Ásia. E depois o Estreito do Bósforo, que é o que separa a parte de Istambul europeia da Istambul asiática – acho que devem fazer esse passeio de ferry. É algo que vem logo à mente quando pensas em Istambul, veres as margens diferentes da cidade. Ah, e os gatos por todo o lado, sobretudo nas marinas!

 

Uma música para quando o avião aterrar..

“Here I Go Again On My Own”, dos Whitesnake.

 

Um livro para ler no caminho...

O guia, porque há muita coisa para ver. Ou um bom mapa.

 

A Turquia numa palavra (de preferência na língua local)...

Tesekkür ederim! Quer dizer “obrigado”!

 

Recomendamos

Back to Top