NO AR:

Seu Jorge canta Tom Jobim - Nova data

A obra de um dos artistas mais relevantes da música popular brasileira será interpretada por dois grandes músicos: Seu Jorge e Daniel Jobim, emprestam os seus talentos e reproduzem parte da obra de António Carlos Jobim.

agenda

09 jul

2022
sáb • 21:30
Super Bock Arena Pavilhão Rosa Mota
Porto
PUB (0:)

Os Bilhetes são válidos para a nova data!

A obra de um dos artistas mais relevantes da música popular brasileira vai ser interpretada por dois grandes músicos. Seu Jorge e Daniel Jobim emprestam os seus talentos e reproduzem parte da obra de António Carlos Jobim. Este projeto ganha forma, quando os dois se encontram na festa de aniversário de uma amiga que têm em comum, neste reencontro, falaram e celebraram este encontro de uma forma bastante alegre. Dias depois, Seu Jorge telefonou a Daniel e apresenta-lhe esta ideia e convida-o para esta grande aventura, à qual o Daniel prontamente aceitou. O repertório deste espetáculo, terá as exaltaçõeses de Tom ao amor e ao Rio de Janeiro, as parcerias com Vinícius de Moraes e de tantos outros como esta patente nas obras como: Corcovado, Garota de Ipanema, Luíza, Eu Sei Que Vou Te Amar, Lígia, A Felicidade, entre muitos outros sucessos.

 

Durante a apresentação, Daniel Jobim e Seu Jorge alternam momentos nostálgicos, grandes versões e impressões pessoais sobre o poeta. Seu Jorge sempre teve o desejo de interpretar a obra de Tom e viu a oportunidade surgir após o reencontro com Daniel Jobim. António Carlos Jobim, foi sem sombra de dúvidas um dos maiores compositores do mundo e um dos maiores heróis da música brasileira. Uma mente criadora com a preocupação de fazer uma música genuinamente brasileira com os seus belos acordes e poesia pura. As suas canções eternas, enchem o coração das pessoas de alegria, romantismo e esperança", reflete Seu Jorge.


"Eu, felizmente, tenho muitas lembranças do meu avô. Pude conviver bastante com ele. Começava a tocar canções muito cedo, a partir das 6 da manhã, eram músicas clássicas que ele exercitava todos os dias. Antes de compor ele tocava algumas peças, fazia um estudo antes. Quando ele começava a compor as ideias já surgiam. Eu lembro dele tocando Brahms, Chopin, Debussy, Rachmaninov. De manhã cedo já era aquela música iluminada. Isso realmente marca bastante, a gente não esquece", emociona-se Daniel.

 

DANIEL JOBIM
Filho do violonista Paulo Jobim e neto de Tom Jobim, Daniel é cantor, compositor e pianista. Já dividiu o palco com nomes como Caetano Veloso, Chico Buarque, Milton Nascimento, Roberto Carlos, Stevie Wonder, Dorival Caymmi, entre muitos outros. Vencedor do prémio Grammy como produtor do álbum "Antonio Brasileiro", no ano de 1995, Daniel participou de projetos musicais importantes relacionados com a bossa nova, além de tournees internacionais de grande sucesso e destaque.

SEU JORGE
A primeira realização profissional como músico foi em 1998 na banda Farofa Carioca, onde lançou o seu primeiro disco, misturando ritmos de várias partes do mundo, como samba, reggae, jingo, funk e rap. Depois disso foram mais de uma dezena de projetos musicais e gravações de Cds e Dvs, além de várias bandas sonoras. Por dois anos consecutivos (2003 e 2004) ganhou o prémio de melhor cantor do ano, atribuído pela Associação Paulista de Críticos de Arte. As suas tournees internacionais, têm colocado Seu Jorge como um dos artistas brasileiros mais internacionais e reconhecidos da sua geração. Seu Jorge define-se como cantor e compositor popular, que gosta de inúmeros géneros musicais, mas cujo fundamento é o samba, e também ator, fazendo parte do elenco de vários filmes como “Cidade de Deus”, “The Life Aquatic”, “Tropa de Elite 2” “Pixinguinha”, Maringhella”, “Irmandade”, entre muitos outros.