O Dia da Procissão - Miguel Araújo e António Zambujo

Miguel Araújo apresenta hoje o seu novo single, "Dia da Procissão", composto e interpretado com António Zambujo.

PUB (0:)

Letra Dia da Procissão

 

Há festa na avenida

É o dia da procissão

A concertina avança

Contra a buzina de um camião

 

Há festa nas varandas

Frestas no alcatrão

Ouvem-se as bandas

Por entre as sarabandas do capelão

 

Se a América se lembrar

De carregar no tal botão

Que o mundo dure ao menos até ao fim

Do dia da procissão

 

Ó rosa arredonda a saia

All aboard the night train

A saia é da zara

E ainda foi cara, ó rosa arrendonda-a bem

 

A velha dança a chula

A prima segura a irmã

O zé da adega

Amarra a mula e a filha segura o tchan

 

Se a América se lembrar

De carregar no tal botão

Que o mundo dure ao menos até ao fim

Do dia da procissão

 

No largo de São Gonçalo

Dança-se o sol-e-dó

Há lutas de galo

Vinho de estalo, fumo, cavalo e pó

 

O Zé aperta o laço

O filho aperta um

O primo aperta

Aperta com ela e começa o 31

E começa o 31

 

Se a América se lembrar

De carregar no tal botão

Que o mundo dure ao menos até ao fim

Do dia da procissão

 

A santa caiu do andor

Na esquina do santander

O padre pinta a manta,

Ai da santa, salve-se quem puder

 

Chanel número 5

Mambo number five

Quinto império,

Quinto dos infernos, I will survive

 

Letra: Miguel Araújo

Música: Miguel Araújo e António Zambujo

Miguel Araújo: voz, guitarras acústicas, guitarras electricas, guitarra acústica 12 cordas, banjo, bandolim, ukelele, baixo, piano, sintetizadores, farfisa, harmónio, coros, bombos, tarola, pratos, timbalões, pandeireta, percussões e palmas

António Zambujo: voz

Gravado no estúdio Chiu em Fevereiro  de 2019

Produção: João André

Mistura: João André

Masterização: Ryan Smith (Sterling Sound Studios)

Gravado por Bruno Pereira no estúdio Chiu em Janeiro de 2019

Capa: Miguel Araújo