Colômbia: Não fazer sexo em dias de maior calor

A recomendação foi feita pelo secretário de Saúde em Santa Marta, uma cidade na Colômbia.

18 de agosto de 2018 às 16:10Colômbia: Não fazer sexo em dias de maior calor

Não fazer sexo! Foi uma recomendação fora do vulgar que os moradores de Santa Marta, na Colômbia, receberam na passada quarta-feira.

Segundo o secretário da Saúde de Santa Marta, Julio Salas, os residentes devem evitar fazer sexo em alturas de temperaturas mais elevadas.

"Evite fazer amor ou fazer sexo em alturas quando a temperatura é alta, especialmente ao meio-dia, porque essa atividade impõe exigências físicas a você e aumenta sua frequência cardíaca", afirmou numa rádio local.

Julio Salas ainda aconselhou as pessoas para esperarem por depois do pôr-do-sol se a atividade física for absolutamente necessária.

É uma recomendação pouco comum mas poderá fazer sentido relativamente à saúde pública.

De acordo com cálculos feitos por especialistas na área, fazer amor, quando se trata de esforço físico, equivale a subir dois lances de escadas.

Santa Marta é uma cidade popular entre turistas, com 600 mil habitantes e tem assistido ao um dos verões mais quentes do país sul-americano, atingindo uma média de temperaturas acima dos 40 graus ao longo de julho. 

Na sua entrevista, Salas realçou o facto das instalações médicas terem sido sobrecarregadas com casos de insolação.

Se a sua recomendação terá algum efeito sobre os habitantes da cidade costeira, não se sabe ao certo.

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

Back to Top