PSP espera 3 400 ingleses para o FC Porto-Liverpool

Os adeptos do Liverpool "começarão a chegar no dia 13" ao Porto, para assistirem ao jogo a contar para a Liga dos Campeões. A PSP prepara um policiamento ao nível dos "clássicos".

Lusa
12 de fevereiro de 2018 às 13:54PSP espera 3 400 ingleses para o FC Porto-Liverpool

A PSP do Porto prepara um policiamento ao nível dos "clássicos" do futebol português para o jogo de quarta-feira entre o FC Porto e Liverpool (19h45), dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

A revelação foi feita em conferência de imprensa, hoje no Porto, pelo intendente João Caetano, durante a divulgação do plano de policiamento para o jogo, que a PSP considera de "risco elevado", e para o qual são esperados 3 400 adeptos do Liverpool.

Anunciando que os ingleses "começarão a chegar no dia 13" ao Porto, João Caetano disse tratarem-se de "adeptos que vêm para se divertir", apelando, por isso, "à compreensão e colaboração dos cidadãos" da cidade.

Apesar de ter "contornos diferentes dos jogos com o Benfica e o Sporting" - na receção ao Liverpool "não está prevista, por exemplo, a criação de uma caixa de segurança para levar os adeptos ingleses ao estádio" - o intendente deu conta de "reuniões prévias com a polícia inglesa", que "visitou a cidade", e que está a colaborar com a PSP na "coordenação da segurança".

Com uma parte dos "3.400 adeptos ingleses" prevista para chegar na terça-feira, a PSP terá "todos os seus dispositivos envolvidos", em "diferentes graus de alerta", não acreditando o intendente que a noite de terça-feira "seja problemática", argumentando que os "adeptos são pacíficos e vêm para divertir-se".

Sobre os condicionamentos ao trânsito previstos, o comissário João Afonso lembrou que o acesso ao estádio coincidirá com a saída das pessoas dos seus empregos e que apenas junto à estação do metro do Estádio do Dragão e na zona envolvente ao estádio "haverá condicionamentos".

Dando conta que a "maioria dos adeptos ingleses vai sair da Ribeira para o estádio através do metro" esse volume de viagens implicará que "o trânsito seja cortado durante o período que durar essa circulação", justificou João Afonso. 

Do conjunto de apelos feitos pela PSP nota ainda ao pedido para que as "pessoas se desloquem cedo e nos transportes públicos" para o estádio, "onde será feita uma revista" pelas autoridades, acrescentou o intendente João Caetano. 

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

Back to Top