Eagles of Death Metal voltam ao Bataclan

Jesse Hughes encontra-se com Presidente de França, Emmanuel Macron.

14 de novembro de 2017 às 10:15Eagles of Death Metal voltam ao Bataclan

Dois anos depois do massacre terrorista no Bataclan, em Paris, durante o concerto dos Eagles of Death Metal, dois dos membros da banda indie-rocker, o cantor Jesse Hughes e o guitarrista Dave Catching, voltaram ontem ao fatídico local, no exterior da sala, junto à Boulevard Voltaire.

Jesse Hughes encontrou-se com o Presidente de França, Emmanuel Macron, na zona do ataque que vitimou mortalmente 89 pessoas na sala de espetáculos.

Jesse Hughes e Dave Catching deram ainda uma atuação surpresa, composta por duas canções, em frente ao teatro do Bataclan.

"Este é apenas o testamento de uma comunidade determinada em não deixar os maus ganharem, sejam em que circunstâncias forem. Não vamos deixar que o ódio ou a estupidez ou qualquer coisa má prevaleçam. Sinto neste momento bastante orgulho em ser norte-americano e sinto muito orgulho em ser amigo dos franceses. Trouxe a minha mãe comigo porque não tenho medo em estar em lado nenhum. Não temos motivos para ter receio algum. Não há nada a temer. Estamos todos rodeados de amor. Cantei duas músicas miseravelmente e as pessoas gostaram de nós à mesma", declarou à imprensa Jesse Hughes.

Jesse Hughes é o cabecilha dos Eagles of Death Metal que dá a cara pelo grupo ao vivo. O outro mentor da banda é Josh Homme, que tem como prioridade os Queens of the Stone Age.

 

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

PUB
Back to Top