1.º dia de MEO Marés Vivas: todos grandes

Começou nesta sexta-feira, dia 14, mais uma edição do MEO Marés Vivas, a última na praia do Cabedelo, em Vila Nova de Gaia.

15 de julho de 2017 às 07:001.º dia de MEO Marés Vivas: todos grandes

Começou nesta sexta-feira, dia 14, mais uma edição do MEO Marés Vivas que, pelo último ano, decorre na praia do Cabedelo, em Vila Nova de Gaia.


Nesta primeira noite, Diogo Piçarra abriu o palco principal. O cantor tem vindo a apresentar o álbum "do=s" de onde já são bem conhecidos os temas 'Dialecto', 'História' e 'Só Existo Contigo' que, naturalmente, não faltaram no final de tarde em Gaia. Ouvimos 'Erro', logo das primeiras, e o Diogo diz, com a simpatia e simplicidade que já lhe conhecemos, que "nunca é um erro voltar a Gaia". ‘Ponto de Partida’ ouve-se pouco depois com os fãs completamente rendidos. Jimmy P juntou-se a Diogo Piçarra em palco num momento muito emocionante. Ambos cantaram 'Entre as Estrelas'.

De referir que, em ‘História’, Diogo Piçarra vestiu uma camisa branca que lhe cobriu as já famosas tatuagens. Depois disso, e já no encore, voltou a ficar “tudo a nu” e a despedida foi com ‘Dialecto’.

 Seguiu-se Tom Chaplin. O inglês, de 38 anos, tornou-se conhecido como vocalista dos Keane e boa parte da sua passagem por Gaia foi com a apresentação do seu álbum de estreia a solo, "The Wave", do qual se espera com particular interesse o tema 'Quicksand'. ‘I Remember You’ e ‘Hold On To Your Love’ puseram a tónica num clima mais apaixonante mas o público “acorda” aos primeiros acordes de ‘Everybody’s Changin’; lá está, o passado enquanto líder dos Keane não deixa ninguém indiferente.

O artista, que canta para um microfone em cujo suporte está uma bandeira portuguesa, esforça-se bastante por falar português e consegue-o bem. Ouvimo-lo dizer, na perfeição “Marés Vivas”.

Já Bastille, a banda de Dan Smith, traz sonoridades de indie rock alternativo a Portugal onde não faltaram os “parabéns a você” pelo aniversário do vocalista. Também a fazer tentativas de falar português mas a desistir cedo, Dan fez uma viagem musical, sobretudo, pelo álbum do ano passado. Exemplo disso foram ‘Snakes’, ‘Lethargy’ e ‘Fake It’. 'Good Grief' é mais uma do álbum "Wild World" do ano passado e o público cantou-a a plenos pulmões! Eis uma música que muito se ouve na Rádio Comercial. E recebemos um tímido "obrigado" no final.

A banda faz uma interessante e divertida incursão por temas de dança dos anos 90 ao qual dão uma roupagem indie-pop que valoriza músicas como a ‘No Scrubs’, das TLC, em 1999, e ‘Rhythm of the Night’, de Corona, de 1993. ‘Pompeii’ é a que fecha o concerto, após o qual muitas centenas abandonam o recinto. Talvez os mais jovens sejam os fortes que não arredam pé perante a enorme expectativa de ouvir Agir.

Agir fecha a noite ao subir ao palco à 1h00 em ponto. Com dois álbuns já lançados e um terceiro a ser preparado, as maiores novidades foram as canções 'Manto de Água' onde se “ouviu” Ana Moura, apesar de a fadista não estar presente, e a muito dançável música para este verão 'Queres ou Não Queres' – esta já mesmo no final, sendo que Agir guardou os grandes êxitos para se despedir.

Ainda assim, todo o concerto é marcado por muita energia, muita luz, eletrónica, explosões de palco e um Agir que puxa pelo público como poucos. E consegue tudo o que pede. 

'Estou Bem', 'Eu Quero', 'Toda a Gente' foram as três primeiras do concerto de Agir. Juntas formam uma frase. Terá sido de propósito? Um dos momentos altos do concerto foi a interpretação da canção ‘Bola de Cristal’ com muita gente a ligar os telemóveis para se fazer presente entre a multidão. ‘Bela’ e ‘Tempo É Dinheiro’ assinalam a despedida.

 

  • Partilhar

Relacionadas

13 de julho de 2017
2017: o último Marés Vivas na praia do Cabedelo
12 de julho de 2017
Organização do Meo Marés Vivas alerta para venda de bilhetes falsos
11 de julho de 2017
MEO Marés Vivas: informações úteis

Caso tenha algum comentário a fazer:

Mais Notícias

Morreu o vocalista dos Linkin Park
Portugal sem sardinhas? Bruxelas diz que não há motivo para alarme
Desportivo das Aves - Sporting abre a época a 6 de agosto
Pink criticada em foto com o filho
Protesto dos enfermeiros especialistas considerado "ilegítimo"
Falta uma semana para a Expofacic
Fundador da Altice acredita em final feliz para a compra da Media Capital
Venezuela: saúde, habitação e emprego são problemas de madeirenses que regressam
Governo garante que vai continuar a haver sardinha
PUB
Back to Top