Militar português morre em ataque terrorista no Mali

Um militar português, especialista em transmissões, morreu no atentado terrorista no Hotel Le Campement Kangaba, no Mali

EPA
19 de junho de 2017 às 14:26Militar português morre em ataque terrorista no Mali

Um militar português ao serviço da missão da União Europeia no Mali morreu no ataque terrorista de ontem num resort turístico nas imediações de Bamako. Soube-se no domingo que havia duas vítimas mortais e o Exército Português confirmou hoje que perdeu um militar, um responsável de transmissões que fazia formação das Forças Armadas no Mali.

O atentado aconteceu no Hotel Le Campement Kangaba, um resort autorizado pela Missão de Treino para servir de "Wellfare Center", um local de repouso no intervalo das funções dos militares internacionais que estão no país. Foi aberto um inquérito para perceber detalhes do que aconteceu, incluindo se o português tentou enfrentar os atacantes.

O porta-voz do Estado-Maior General das Forças Armadas, o Tenente-Coronel Hélder Perdigão, explica que "o nosso militar estava junto a outro militar português entre vários militares internacionais" quando aconteceu o ataque. "Era casado e suponho que tinha dois filhos", acrescenta.

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

Mais Notícias

Governo garante apoio psicológico e sobreviventes de incêndios
MP investiga se houve fogo posto em Pedrógão Grande
Juntos Por Todos: "não houve ninguém que nos tenha dito não"
Passos pede desculpa por informação não confirmada
Défice aumenta para quase 700 milhões
Filha de Michael Jackson dedica nova tatuagem ao pai
Nine Inch Nails no Twin Peaks
Santa Casa de Pedrógão esclarece declarações polémicas de Passos
Corpo de Dalí vai ser exumado
PUB
Back to Top