Sindicato dos inspectores do SEF discute falta de meios com governo

O sindicato pede mais inspectores e meios de segurança.

20 de março de 2017 às 09:06Sindicato dos inspectores do SEF discute falta de meios com governo

O sindicato que representa os inspectores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) vai pedir hoje ao governo um reforço dos meios.

 A falta de pessoal e de meios no serviço de segurança são dois dos temas que vão ser discutidos esta segunda-feira com a ministra da Administração Interna.

Acácio Pereira, presidente do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do SEF, alerta para a falta de inspectores em todo o país e, sobretudo no aeroporto de Lisboa. O sindicalista refere que o número de inspectores é insuficente face ao aumento do número de passageiros nos aeroportos.

"Há um estrangulamento no SEF ao nível do pessoal e de meios", declarou o presidente do sindicato, Acácio Pereira

Actualmente está a decorrer uma formação com 45 elementos, tal como já aconteceu no final de 2016. Este concurso interno já foi feito pelo Governo anterior.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras tem 750 inspetores.

 

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

Mais Notícias

Recusada perícia às músicas de Tony Carreira por medo
Morreu a mulher mais rica do mundo
Foo Fighters no Carpool Karaoke
INE quer saber como é que os portugueses se deslocam
Fãs de Selena Gomez fascinados com o seu cachorrinho
Artistas portugueses em tributo a Leonard Cohen: "Cohen é uma referência fundamental" - Miguel Guedes
Marcelo considera urgente estatuto legal para cuidadores de doentes de Alzheimer
Governo garante mecanismo de atualização das pensões
China inaugura hoje comboio mais rápido do Mundo
PUB
Back to Top