Sindicato dos inspectores do SEF discute falta de meios com governo

O sindicato pede mais inspectores e meios de segurança.

20 de março de 2017 às 09:06Sindicato dos inspectores do SEF discute falta de meios com governo

O sindicato que representa os inspectores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) vai pedir hoje ao governo um reforço dos meios.

 A falta de pessoal e de meios no serviço de segurança são dois dos temas que vão ser discutidos esta segunda-feira com a ministra da Administração Interna.

Acácio Pereira, presidente do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do SEF, alerta para a falta de inspectores em todo o país e, sobretudo no aeroporto de Lisboa. O sindicalista refere que o número de inspectores é insuficente face ao aumento do número de passageiros nos aeroportos.

"Há um estrangulamento no SEF ao nível do pessoal e de meios", declarou o presidente do sindicato, Acácio Pereira

Actualmente está a decorrer uma formação com 45 elementos, tal como já aconteceu no final de 2016. Este concurso interno já foi feito pelo Governo anterior.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras tem 750 inspetores.

 

  • Partilhar

Caso tenha algum comentário a fazer:

Mais Notícias

Arsenal vence Taça de Inglaterra
Sporting conquistou a Taça Challenge em Andebol
Teatro em Londres evacuado devido a ameaça de bomba
British Airways cancela voos e gera caos nos aeroportos de Londres
Realizador português premiado em Cannes
Sequela de "O Amor Acontece" já está online
Daesh reclama atentado no Egipto
Oficial: Marco Silva vai ser treinador do Watford
Genro de Trump queria "canal secreto" com a Rússia
PUB
Back to Top