Processadas as agências que cancelaram os concertos de Mariah Carey

O Procon-SP já processou a Stage Entertainment, a Lens Events e a Ingresso Rápido.

14 de fevereiro de 2017 às 14:55Processadas as agências que cancelaram os concertos de Mariah Carey

As agências brasileiras de espectáculos Stage Entertainment, a Lens Events e a Ingresso Rápido esão a ser processadas pelo Procon-SP pelo cancelamento dos concertos de Mariah carey no Brasil. A notícia é do jornal Folha de S. Paulo que explica que as multas foram aplicadas porque as empresas não devolveram aos consumidores o dinheiro correspondente aos bilhetes vendidos para os concertos que iriam realizar-se em São Paulo, Curitiba e Porto Alegre.

Por outro lado, as empresas multadas expressaram as suas posições sobre o ocorrido. A Stage revelou que não falhou nenhum acordo e que a culpa do cancelamento da passagem de Mariah pelo Brasil foi de uma produtora chilena.

Já a Ingresso Rápido declara que devolveu as quantias para as empresas responsáveis. A Lens foi a única que não se pronunciou sobre o assunto.

  • Partilhar

Relacionadas

07 de fevereiro de 2017
Mariah Carey queima vestido de noiva
10 de janeiro de 2017
Mariah Carey está zangada e sai das redes sociais
02 de janeiro de 2017
Mariah Carey pode ser processada
02 de janeiro de 2017
Mariah Carey lamenta actuação falhada
29 de dezembro de 2016
Elton John, Mariah Carey e Bob Geldof em tributo a George Michael

Caso tenha algum comentário a fazer:

Mais Notícias

Arsenal vence Taça de Inglaterra
Sporting conquistou a Taça Challenge em Andebol
Teatro em Londres evacuado devido a ameaça de bomba
British Airways cancela voos e gera caos nos aeroportos de Londres
Realizador português premiado em Cannes
Sequela de "O Amor Acontece" já está online
Daesh reclama atentado no Egipto
Oficial: Marco Silva vai ser treinador do Watford
Genro de Trump queria "canal secreto" com a Rússia
PUB
Back to Top