Merkel lembra Soares como "estadista excepcional" e "europeu convicto"

11 de janeiro de 2017 às 17:40Merkel lembra Soares como "estadista excepcional" e "europeu convicto"
A chanceler alemã, Angela Merkel, apresentou, esta quarta-feira, as condolências ao Primeiro-Ministro português, António Costa, pela morte de Mário Soares, antigo Presidente da República português. Merkel lembrou Soares como um “estadista excepcional” e “europeu convicto”.
 
“A Alemanha lamenta a morte de um grande patriota e de um estadista excepcional, que serviu o seu país com dedicação. O seu nome estará sempre intimamente ligado à democracia moderna portuguesa”, disse Angela Merkel, num comunicado que foi publicado esta quarta-feira.

Para a chefe do executivo alemão, “a Alemanha perde um bom amigo, que sempre manteve amizades pessoais com os chanceleres Willy Brandt, Helmut Schmidt e Helmut Kohl”. Angela Merkel enviou também as “profundas condolências” ao país e à família do antigo chefe de estado português.

“Ele será também relembrado pelos alemães como um europeu convicto, tendo liderado a entrada de Portugal na Comunidade Económica Europeia, em 1985”, referiu Merkel no comunicado.

Mário Soares morreu no sábado, aos 92 anos, no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa.

Caso tenha algum comentário a fazer:

  • Partilhar

Mais Notícias

Justin Bieber e Kourtney Kardashian: namoro à vista?
Filandês transforma lago de gelo em carrossel
The xx fazem versão de Drake
Obama: de "patrão" a padrinho de casamento
Centro Hospitalar do Porto investe 6 milhões na urgência
Portugal entrega queixa central de Almaraz
TAP transportou mais passageiros em 2016
Mais de 56 mil estavam com baixa mas podiam trabalhar
Vaga de frio: autarquia apoia sem-abrigo do Porto
Back to Top