A história da Ana e do Francisco - "Ele era o meu diretor e eu era a estagiária"

Histórias de amor contadas na primeira pessoa.

Foi amor à primeira vista ou ao décimo quinto jantar?

Estão juntos até hoje ou já seguiram caminhos distintos? Passaram por zonas de turbulência?

Vanessa Cruz convida-o a ouvir falar de amor!

Sonoplastia de Nuno Gonçalo.

A Ana Isabel Arroja tinha 19 anos quando foi bater à porta da rádio Super FM, para pedir um estágio. Francisco Gil, então diretor, abre a porta e dá de caras com ela e com o pai dela. Mal sabia que estava perante a futura mulher e mãe dos seus filhos. E do sogro. Mas o namoro não começou logo. Primeiro, ela ainda assistiu a outra relação dele com uma colega em comum. Até que ela lhe enfiou um "caça-maridos" no dedo. Vinte anos depois continuam a trabalhar juntos e dizem que isso ainda fortalece mais o casamento! Ainda que com algumas ciúmes pelo meio. 

Nas gravações de uma novela, a Sara Barradas ia espreitar as cenas com o José Raposo. Quando falavam, nos corredores, engasgavam-se... até que perceberam que sentiam mais do que uma simples admiração profissional. Contra os preconceitos alheios casaram de surpresa, na presença das famílias e amigos de ambos. Os 27 anos de diferença não seriam um obstáculo ao amor. "Amor sincero", destacam. Estão juntos há oito anos, e gostam de dançar em casa ao som de música brasileira, ainda que a Sara seja um "pé de chumbo".
A Joana é de Ovar, o Pedro é de Coimbra. Conheceram-se de pijama, nos Hospitais da Universidade de Coimbra, onde foram operados. "A nossa história de amor caracteriza-se bem como a história de terror". Na altura, estavam desfigurados. "Ele estava tudo menos lindo, estava terrível! Mas foram os defeitos de fabrico que nos uniram". Estão juntos há 16 anos e a caminho do terceiro filho. 
Carlos do Carmo seduziu a Judite através do rádio. "Ninguém cantava o fado como ele e quis conhecê-lo". Foram apresentados no Faia, no Bairro Alto. Nessa noite, sem perceber, começaram logo a namorar, quando ele a encostou à parede do bar e lhe pediu para ela passar a ver através dos olhos dele. "Nada machista! Mas atrapalhou-me bastante." Seis meses depois ele pedia-a em casamento. Judite não queria, mas 54 anos depois continua a dar-lhe um beijinho todas as vezes que ele sobe ao palco.
A história da Patrícia e do Paulo começou num concerto de rock. Era a primeira vez que a Patrícia, então com 18 anos, saía com amigos para dançar. Nessa noite, o Paulo subiu ao palco para dedicar uma música à Patrícia. Pouco depois teve de a levar ao hospital! "Não me lembro de mais nada. Acordei já com o médico a falar comigo". Dias depois começava o namoro que dura há 23 anos. 

A história da Marisa e do Tiago começou através da música! Num corredor da escola onde ambos estudavam, Tiago ouviu uma voz feminina que o levou a espreitar para dentro de uma sala, para perceber quem é que estava a cantar. Não descansou enquanto não arranjou maneira de meter conversa com a Marisa. Aos 18 anos perceberam que tinham encontrado um amor para a vida. Dias depois, a vocalista dos Amor Electro pedia o atual noivo em namoro, quando ele estava a lavar os dentes!

A história da Sofia e do Pedro começou em Barcelona por causa de um jogo de futebol! Portugal jogava para o apuramento do europeu de 2008 e os dois torciam pela seleção num café português. Aquele que era suposto ser um ano de "Viving La Vida Louca!", com o programa Erasmus, acabou por ser o início de um namoro que dura há dez anos, três deles à distância. Hoje vivem em Londres, com o Xavier, o filho de ano e meio!

Veja Também em Podcasts

Recomendamos

Back to Top